Avec Gigi

Field Museum, o Museu de História Natural

   arquivado em: viagem

Todas as fotos são de minha autoria e não podem ser utilizadas sem permissão. Caso queira ver maior, é só clicar (:

IMG_1666 copy

Olá (: Acharam que tinha largado mão de contar um pouquinho sobre minha viajem à Chicago? Haha, estou aqui de volta e dessa vez vou mostrar para vocês o Field Museum, que é o Museu de História Natural de Chicago!

Eu já tinha ido no Museu de História Natural de Londres, que era fantástico, então fiquei irritando todo mundo para que fôssemos em Chicago! Não existem muitos museus de história natural aqui no Brasil, infelizmente! Para quem não tem ideia do que é um museu desse, ele reúne coisas história do mundo, tanto dos seres humanos, quanto de outros seres que habitaram nosso planeta.

divider

The Soldier Field

IMG_0297 copy

O Field Museum fica na frente do Soldier Field, que é o nome do estádio do Chicago Bears, o time de futebol americano da cidade! Eu gosto muito de futebol americano, mas nunca imaginei que um estágio podia ser tão majestoso e bonito! Passei lá vários dias e em todas as vezes que fui não consegui achar menos bonito!

Além de ser coladinho com o Soldier Field, fica na mesma área do Aquário e do Planetário! Então se você não quiser gastar o dia todo no museu, pode dividir com o Aquário ou com o Planetário, mas mais pra frente eu falo deles!

divider

Field Museum

Logo quando você chega no Museu, dá de cara com a Sue, que é a maior e mais conservado T-Rex já encontrado do mundo. Ela é GI-GAN-TES-CA! Mas é muito simpática e ficamos amiguinhas rapidinho, haha. Há alguns outros fósseis bem bacanas, tanto de dinossauros quanto de outros animaizinho mais normais.

divider

World’s Fair

Nossa primeira parada foi a exposição da World’s Fair que aconteceu em Chicago em 1893! Essas feiras eram uma oportunidade para pessoas do mundo todo mostrarem um  “pedacinho” do país deles. Lembre-se que nessa época o mundo não era nem um pouco globalizado e as pessoas não sabiam como eram as outras partes do mundo. Cada país levava coisas “curiosas” para a população ver.

Aí em cima são uma das “curiosidades” que levaram. O que está no vidrinho é Indigo, que é o que faz o azul do Jeans ;)

divider

Exposições Fixas

Algumas exposições são fixas, como as de animais – que são todos empalhados, mas mesmo assim impressionantes -, são aves, mamíferos, animais aquáticos,…; de artefatos indígenas da Oceania, norte americanos e latino americanos (mas não tem os índios brasileiros não….); jóias preciosas (não podia tirar foto, infelizmente); e do Egito, que foi de longe a minha preferida.

IMG_8745 copy

IMG_8736 copy

divider

State of Deception: The Power of Nazi Propaganda

Uma das exposições mais interessantes foi a sobre a Propaganda Nazista. Foi uma aula de história de como os nazistas utilizavam da propaganda para ganhar apoio da população alemã! A propaganda acabou ser a maior ferramenta para Hitler e todo seu governo para chegar onde chegou e não sair de lá tão facilmente.

divider

IMG_0288 copy

IMG_1736 copy

O maior problema na minha opinião é o preço da entrada no museu: $35 (com todas as atividades), ou $18 (só com as exibições permanentes). Como falei aqui, tínhamos comprado o CityPass, então acabou ficando um pouco mais barato… Se você gosta muito de história natural, como eu, compensa! É uma aventura e tanto. Já se não liga tanto, dá para passar essa visita e ir fazer outras coisa se o dinheiro estiver curto. Mas eu sempre penso o seguinte: um pouco de conhecimento “vividos” não faz mal pro bolso e nem pra cabeça de ninguém (:

Ei! Você gosta desse tipo de post? Ainda tenho umas coisinhas para contar sobre a viagem… Mas preciso saber se querem saber mais sobre Chicago. É só deixar um comentário aqui em baixo! Vou ficar muito feliz, viu?! Bisous :*

Me acompanhe também em: 
Fanpage  Instagram Youtube  Twitter  Bloglovin’  Newsletter!

As 10 melhores coisas da Copa do Mundo que vão deixar saudade

   arquivado em: internet

Eu sei que não sou o buzzfeed ou coisa parecida, mas devido a ~bad~ de fim de copa do mundo resolvi vir até aqui para contar quais foram as 10 melhores coisas da Copa das Copas, na minha opinião, que deixarão saudades nos corações dos brasileiros e dos gringos com toda a certeza!

10. O OEEAAA

Ah <3 esse som que representava que “ai vem copa”, vem jogo, vem alegria, vem fuleco e vem tudo isso que vou descrever aí em baixo!

9. Os resultados surpreendentes

Ok, vamos deixar o 7×1 pra lá, mas gente Costa Rica chegando até as quartas e dando trabalho pra todo mundo. Holanda 5  x 1 Espanha, entre outras surpresas para nossos coraçõeszinhos.

8. Fuleco

O que dizer sobre esse mascotinho que mal apareceu mas encheu meu coração de alegrias? O nome dele foi algo que eu ~fiquei meio assim~, mas depois de um tempo entendi: ELE É O EMBAIXADOR DA ZUEIRA BRASILEIRA! Eita Tatu-bolinha mais fofo do mundo! Sentirei sua falta! Vejam só exemplos das zueiras aqui e aqui!

7. Os jogadores gatos

EITA! Meu coração derreteu várias vezes: jogadores da Suíça, França, Alemanha e etc… Até na nossa seleção! Acho que uma das maiores diversões que tive foi achar gatinhos durante a fase de grupos. Era só começar o hino que eu ficava de olho nas beldades dessa copa! Estão de parabéns. E muito obrigada ao @osgatosdacopa, por trazer esses lindos via twitter e instagram todo o tempo para mim e para toda a população brasileira.

6. Tombo do Neymar e outras situações engraçadas/constrangedoras

Foi muito triste o que aconteceu com o Neymar, mas não é desse tombo que estou falando. Ele foi comemorar o gol contra a Colombia e escorregou e caiu e foi muito engraçado. Sem falar que teve jogador que mordeu, teve técnico que quase caiu, teve dancinha dos alemães.

5. Os dias de jogos do Brasil <3

 Ahhhh, sair uma hora e meia antes do jogo, ir pra casa, colocar a camiseta do Brasil, estourar uma pipoca e torcer. Claro que entre os tempos do jogo tinha que ter coxinha, brigadeiro, pãezinhos, salgadinhos e MUITA ALEGRIA. Nada mais gostoso que tirar uma ~folguinha~ no meio do expediente para ver a Seleção jogar (e as vezes ganhar!).

4. Podolski, o amigo da galera.

Podolski chegou e se encantou com o Brasil: comeu arroz-feijão com uma farinha, dançou o lepo lepo, viu novela, torceu pro Brasil, deu uma sambadinha, vestiu a camiseta do Flamenco, cantou o hino do Bahia e resolveu se mudar pra cáa e se apaixonou pelo Brasil mais que qualquer outro jogador. E claro: virou meme <3 O Twittter no dia 10 foi INUNDADO de tweets sobre o Podolski! O Buzzfeed fez um apanhado delas!

3. Memes e outras zueiras, thanks internet!

Ainda que na última copa a internet já estivesse bem crescidinha, não se compara com o papel que ela teve nessa! De verdade: obrigada internet e todos os seus envolvidos, nada seria possível sem vocês. A Copa só foi a Copa das Copas por causa de vocês: foi uma série de memes e gifs e comentários que vão ficar para sempre eternizados na rede mundial de computadores! Vocês são demais!

2. David Luiz

david luiz

Ah, meu mozin <3 Quem não conhecia, conheceu e muito dificilmente não se apaixonou pelo dono dos cachinhos mais comentados da Copa. O David Luiz reinou essa copa, por ser um querido com os fãs, engraçado, carismático e muito bonito, né?! Fico muito feliz de ver esse ser humano maravilhoso ser reconhecido pelo Brasil, mesmo não tendo conquistado a taça!

Ele sambou no Esquenta!, fez gol, como sempre foi fofíssimo com vários torcedores, foi um querido com o James, tirou sarro da bundinha do Hulk, pediu desculpa por não ter ganho da Alemanha (mesmo não sendo culpa dele), encheu nossos olhos de lágrimas (ainda mais quem é geezer como eu) e foi nosso Herói (: OBRIGADA, DAVID LUIZ <3

E para quem já tá sentindo falta dele, cá fica uma série de gifs para matar a saudade. E ó, indico esse video e esse para ter uma ideia de quão querido e fofo ele é. E claro, dia 8/08, as 15:30, ele vai jogar no PSG para quem quiser ver!

 

1. Copa das Copas

Bem, a copa acabou, mas tenho certeza que vai ficar pra sempre nos nossos corações <3 Sei que o nosso país não é o melhor de todos e que a copa foi um passo maior que a perna, mas temos que admitir que em questão de hospitalidade e felicidade demos um show. Agora é só correr atrás do resto: é uma longa caminhada, mas tenho fé.

E para vocês, quais foram as melhores coisas dessa copa? Não esquece de me contar nos comentários!

Obrigada, Copa! Volta logo!

Me acompanhe também em: 
Fanpage  Instagram Youtube  Twitter  Bloglovin’

junho em um post

   arquivado em: resumo do mês

Seis dias atrasada mas cá estou eu: para contar sobre meu mês (: Junho foi um mês gostosinho. Foi meu aniversário, entrei em um projeto lindo: o iPhonography, teve festa junina, passei em todas as matérias com louvor (eba!), consegui colocar umas pendências em ordem… Foi um mês corrido, não tão satisfatório, mas bom! Agora estou de férias, prometendo que vou voltar a postar com freqüência aqui!

divider

 ☁ Instagram

 

junho

1. Eu e o vovo (: 2. GIGI PANDA 3. Gigi com a Hello Kitty (((: 4. Cupcakes de aniversário 5. Minhas flores de dia dos namos! 6. Meu filme LINDO da Hello Kitty (amo mt a hello kitty, como podem ver). 7. Eu e o Douglinhas 8. Chocolate quente com manteiga de amendoim <3 9. Eu e minha irmã no Epcot! 10. Nossa foto na festa junina. 11. Pipoca! 12. Curitiba, minha cidade linda!

divider

☁ Posts de junho

Wishlist de aniversário

Minhas 20 primaveras

iPhonography de junho

❤ VIDEO: Tutorial de Turbante

divider

☁ Filmes que vi e livros que li!

Estou na metade de Convergente, Veronica da Roth, que é o último livro da saga Divergente. Estou demorando tanto para ler porque o fim do semestre foi super corrido, então tive que dar uma pausa.

Mas, ao contrário do ~lado literário~, meu lado cinematográfico (?) aflorou: fui ao cinema 3 vezes. Vi X-Men <3, que foi demais! Depois vi o apaixonante Malévola que amei. E por último vi A Culpa é das Estrelas, que não gostei ): achei a história bleh! Desculpa, gente!

divider

Cá está meu resumo do mês… Prometo que em julho vou postar mais e ser uma “blogueira” melhor (:

Me acompanhe também em: 
Fanpage  Instagram Youtube  Twitter  Bloglovin’

iPhonography de junho

   arquivado em: iPhonography

Mês passado fui convidada pelas meninas do Don’t be so Shine para participar desse projeto lindo, o iPhonography, que foi criado junto com a Andrea, do Toffee Drops! O projeto consiste em tirar 6 fotos durante o mês, pelo celular e publicar no terceiro sábado. E o mais legal é várias outras blogueiras que eu admiro também foram convidadas, ou seja, muitas fotos lindas para vocês (:

iPhonography

iPhonographyiPhonography

iPhonography

iPhonography

iPhonography

 

  1. Minha festinha (surpresa) de aniversário da Hello Kitty;
  2. Meu novo pack de fotos para a instax da Hello Kitty!
  3. Eu e o Doug na festa junina do nosso antigo colégio;
  4. Meus cartões’zinhos de dia dos namorados, com a vela que recebi da Uatt?;
  5. Meus bolinhos de aniversário!!!
  6. SORVETE <3

Essas foram as fotos de junho (: E aí, gostaram? Quero opiniões no comentário para o iPhonography do próximo mês! Agora tá na hora de ver as fotos das outras meninas do grupo! É só seguir os links aqui em baixo! Bisous :*

Toffee Drops ♥ Don’t Be só Shy ♥ Madly Luv ♥ Di Moça ♥ Café com Babis ♥ Pequena Pi ♥ Galeria clichê ♥ Iemai ♥ Bolas de meia

Me acompanhe também em: 
Fanpage  Instagram Youtube  Twitter  Bloglovin’

Minhas 20 primaveras

   arquivado em: gigi

Unknown

O Avec Gigi, por mais estranho que pareça, sempre foi uma extensão de quem eu sou. Sempre foi um lugarzinho que eu posso me abrir, sabendo que as pessoas que lêem meus posts, ou ao menos a maioria delas, iriam me entender e dividir esse “momento” comigo. Por essa razão, por confiar nos meus leitores que considero meus amigos, venho aqui dividir, mais uma vez, um pedacinho de mim.

Hoje, agorinha, fiz 20 anos! Não pode parecer muita coisa, mas é uma sensação engraçada não ter dez-algumacoisa. Tudo bem que continuo a mesma pessoa de ontem, mas toda vez que me perguntarem quantos anos que eu tenho, vou responder “tenho vinte”. E junto com esse “tenho vinte anos”, vem todas as lembranças desse ano de dezenove para vinte que vivi.

Sabe, eu sempre acreditei que tudo que você vive, de bom ou ruim, acaba por acrescentar algo na sua vida, uma bagagem para ser levada. Esse ano todo foi cheio de experiências boas e ruins, em muitas vezes me senti muito alegre, bem comigo mesma e com tudo que me cercava, mas também me vi triste, querendo desistir e ficar enrolada em um cantinho.

Mas ó, eu não desisti. Tanto que estou aqui, sentadinha, escrevendo tudo isso para vocês (e para mim), vendo meu balão da Hello Kitty flutuar pelo meu quarto (melhor presente de aniversário ever!!!!).

Sei que às vezes a vida pesa, que às vezes não temos o que fazer para aliviar, mas o que mais aprendi esse ano é que tudo passa. E geralmente, é quando paramos de pensar por um tempo na dor, no que está dando de errado, o que não está certo… É tipo mal de amor, sabe?! Quando você se dá conta esqueceu dele e tudo passou…

Mas falar é fácil, eu sei quanto doeu cada dificuldade e quanto vão doer ainda… O que acontece é que hoje é diferente, hoje tenho mais um ano somado as minhas experiências, que não são muitas, mas já são alguma coisa.

E daqui um ano, pode parecer que tudo que eu enfrentei é bobagem, que é coisa de adolescente, que não doeu, então quero deixar registrado aqui, nesse post meio coração-aberto que doeu sim, é só o tempo que acaba por amaciar e apagar algumas cicatrizes. Sinto que minha adolescência (ai meu deus, sou adulta já!!! hahahahaha) foi uma das épocas mais doídas e probatórias que já tive, e não é porque meus problemas foram grandes demais, foram porque eu não tinha vivido nada parecido com tudo aquilo.

Tive um ano muito bom, para dizer bye-bye para meus dez-algumacoisa. Viajei para uma cidade apaixonante; continuei perdidamente apaixonada por alguém que me faz feliz todos os dias; acordei (quase) todos os dias para ir para um curso que a cada dia que passa me vejo mais envolvida, vi meu “trabalho” no blog ser reconhecido cada vez mais; arrumei um trabalho fora do mundo virtual; li quando deu tempo (e quando não deveria ter lido, já que tinha outras coisas para fazer). Comi coisas gostosas, aprendi coisas novas, dancei, ri e chorei, tudo em uma quantidade suficiente, uma quantidade justa.

Agora estou eu, aqui, com 20 anos. Uma idade que sempre me pareceu tão longe, sempre pareceu uma idade tão crescida, mas que vejo, agora que eu estou aqui, que é só mais um aninho somado a minha quase inexistente experiência. E tenho muito agradecer a todos que estão e estiveram ao meu lado, não seria nem 1% do que sou hoje. Tenho uma família maravilhosa, que me ama muito, um namorado lindo, que me faz uma pessoa melhor, e amigos que sempre posso contar com. Sem eles meu aniversário não seria tão completo e feliz.

Obrigada por me acompanharem, e por me deixarem dividir a minha vida com vocês. Obrigada de verdade. E espero poder contar por muitos anos como foi o meu aniversário, assim como eu contei ano passado.

Bisous :*

Que tal acompanhar o blog (e me acompanhar) nas redes sociais?
Fanpage  Instagram Youtube  Twitter  Bloglovin’